Eventos

Líder do grupo de pesquisa participa de debate sobre medicina, religião e charlatanismo

debate efeito placebo

O encontro reúne estudiosos da área da medicina, teologia e psicologia

Por Jaqueline Florentino

O professor Dimas A. Künsch, líder do grupo de pesquisa “Da Compreensão como Método”, marcou presença, no dia 09/05 às 18h, no debate “Efeito Placebo: charlatanismo na medicina e na religião”.

Ao lado dos professores Waldemar Magaldi e Oswaldo Cudízio, Künsch levantou a questão sobre quando a medicina, expressão da arte da cura (Hipócrates), teria se desprendido da conjugação de diálogos entre a pessoa que está sofrendo e o médico, entre o corpo e o espírito, entre a vida da pessoa e a vida do universo, para de tornar em grande parte uma verdadeira indústria movida a interesses e a dinheiro.

Com formação em filosofia e teologia, além de doutor em Comunicação, o docente da Universidade Metodista de São Paulo (Umesp) trouxe para o debate questões relativas ao efeito placebo nas áreas da sociedade, da política e da economia. Por exemplo, no campo do consumo. Ou da tecnologia. Temas como o da ditadura da beleza, do corpo perfeito e da plena felicidade, realçam o papel da religião do mercado na produção de falsos remédios para a cura das doenças do corpo e da alma humana.

Referindo-se especificamente ao campo religioso, Künsch considerou que o charlatanismo, movido a dinheiro, acaba por transformar a religião em outra coisa, em negócio,  mercadoria, anti-religião. É ali, na verdade, que o evangelho, como o entendem os cristãos, de “boa notícia”, vira fake news, ilusão, ideologia, que mascara a realidade.

A organização é do Instituto Junguiano de Ensino e Pesquisa (IJEP).

Você pode conferir como foi esse debate na íntegra, acessando o link:

https://www.youtube.com/watch?v=m6QvkEEXE5k 

Tags:, , , , , , ,
WhatsApp Image 2021-05-15 at 12.30.20

Para compreender o Brasil atual: uma contribuição de Hannah Arendt e de Carl Gustav Jung

Eventos

Dimas Künsch lança livro sobre método da compreensão

Livros