Prêmios

Pesquisador integrante do projeto de pesquisa “A compreensão como método” vence Prêmio Literário da Casa de Las Américas

O pesquisador colombiano Pedro Agudelo Rendón, um dos vencedores do Prêmio Casa de las Américas 2017.

Por Giselle Freire

Mestranda na Cásper Líbero

Pedro Agudelo Rendón, integrante do projeto de pesquisa “A compreensão como método”, desenvolvido conjuntamente por pesquisadores brasileiros da Faculdade Cásper Líbero e colombianos da Universidade de Antioquia, acaba de receber o Prêmio Literário da Casa de Las Américas em Cuba. Agudelo foi premiado na categoria Ensaio de tema histórico-social com o texto: América pintoresca y otros relatos ecfrásticos de América Latina.

Fundada em 1959, a Casa de Las Américas promove, patrocina, premia e publica o trabalho de escritores, artistas plásticos, músicos e estudantes de literatura, artes e ciências sociais latino-americanos. O Prêmio Literário da instituição existe desde sua fundação, e a edição número 58, de 2017, contou com cinco categorias, assim nomeadas em espanhol: Novela, Poesía, Ensayo de tema histórico-social, Literatura Testimonial, Literatura brasileña (ficción) e Premio de estudios sobre la presencia negra en la América y el Caribe contemporáneos.

Importantes personalidades das letras na América Latina e do Caribe já participaram tanto como jurados quanto concorrendo ao Prêmio. Na categoria “Literatura brasileña (ficción)”, nomes de nossa literatura como Nélida Piñón e Nelson de Oliveira foram premiados em 2010 e 2011, respectivamente. O prêmio Casa de Las Américas edição 2017, na categoria Literatura brasileira, foi concedido à escritora Maria Valéria Rezende, com seu romance Outros cantos (editora Alfaguara). Nascida em São Paulo, Maria Valéria é freira e vive no estado da Paraíba. Foi vencedora do Prêmio Jabuti 2015 com a obra Quarenta dias, da mesma editora.

A obra vencedora de Agudelo busca jogar com os imaginários da América Latina em duas partes: a primeira é conceitual, na qual define o que é o imaginário e como é construído na sociedade; na segunda, faz uma análise da relação entre arte e literatura. Agudelo define o imaginário como um amálgama de imagens que produzem sentido na sociedade por meio de diferentes sinais. Segundo o autor, “o livro não pretende descrever o que somos como latino-americanos, mas o que imaginamos ser a América Latina”.

Pedro Agudelo participa, no dia 4 de dezembro às 19h, do III Seminário Brasil-Colômbia de Estudos e Práticas de Compreensão, na Mesa 2 – MÉTODO DA COMPREENSÃO: OLHARES COLOMBIANOS, que acontecerá na Sala 15 – 5° andar da Faculdade Cásper Líbero.

O III Seminário Brasil-Colômbia de Estudos e Práticas de Compreensão é uma iniciativa do grupo de pesquisa Comunicação, Diálogo e Compreensão, do Mestrado em Comunicação da Faculdade Cásper Líbero, com o apoio da Fapesp, e se realiza de 4 a 8 de dezembro de 2017, na Faculdade Cásper Líbero.

O Seminário tem como objetivo chamar o público, professores e alunos de Graduação e Pós-Graduação em Comunicação e profissionais do mercado a refletir sobre o tema da compreensão, tanto no universo do estudo, da pesquisa e da produção de conhecimentos, quando da vida pessoal, social e política. Acesse aqui para conferir a programação completa. As inscrições para as distintas mesas de trabalho (11 ao todo) são feitas pelo email eventos@fcl.com.br.

Agudelo assina um dos capítulos do Livro Produção de conhecimento e compreensão, organizado por Dimas A. Künsch, Everton Dias, Mateus Yuri Passos, Paulo Emílio Fernandes e Pedro Torres Debs Brito, que será lançado durante o Seminário, com o selo da Faculdade Cásper Líbero. Seu artigo, “El método ecfrástico y los medios de la comprensión” segue a mesma temática do método ecfrástico, aqui em diálogo com o método da compreensão.

Sobre o artigo, os organizadores do livro escrevem: “Examinando as variantes e o potencial compreensivo da figura retórica da ecfrase, ou écfrase – uma ‘representação verbal de uma representação visual’, ou a descrição de um objeto ficcional ou não-ficcional que permite o ‘ver sem ver’’, e, com isso, a compreensão –, o autor traz para o debate aquilo que Morin chama de dimensão intelectual da compreensão, assim descrita por ele, em Os sete saberes necessários à educação do futuro: ‘A compreensão intelectual passa pela inteligibilidade e pela explicação. Explicar é considerar o que é preciso conhecer como objeto e aplicar-lhe todos os meios objetivos de conhecimento’.”

Continuam os organizadores: “A compreensão, como se sabe, abarca uma diversidade de sentidos que o método da compreensão assume, nos diálogos que busca tecer com conhecimentos diversos, teorias, experiências e sabedorias de vida, expressos em sua amplitude pelo autor do texto, quando diz que ‘comprehender es envolver, abrazar, rodear, abarcar, cercar, contornear, contener, incluir, interpretar, discernir, alcanzar y descifrar’. Aqui, o dualismo se transforma em complementaridade: compreensão e explicação ‘se abraçam’ no diálogo fértil e promissor com o mundo da arte por meio do auxílio da ecfrase”.

Além de Produção de conhecimento e compreensão, será lançado um segundo livro durante o Seminário, Para compreender a compreensão, dos mesmos organizadores. No dia do lançamento dos livros, a Organização do Seminário promove um debate sobre os acordos de paz na Colômbia, que contará com a participação dos colombianos Pietro Alarcón (PUC-SP), Raúl Osorio Vargas (Universidad de Antioquia) e María Paula Hernández Bergsneider (Estudante de jornalismo colombiana, intercambista na Cásper Líbero), e ainda da jornalista brasileira Mariana Ghirello, que está na Colômbia desde janeiro de 2016 fazendo a cobertura dos acontecimentos envolvendo os acordos de paz. A mesa redonda acontecerá dia 5 de dezembro, às 19h no Teatro Cásper Líbero, sob a mediação da Profa. Cilene Victor.

Produzidos em sistema Creative Commons, e patrocinados pela Faculdade Cásper Líbero, os dois livros serão disponibilizados integralmente no site da Faculdade Cásper Líbero após o lançamento no dia 5 de dezembro.

 

         

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

III Seminário Brasil-Colômbia de Estudos e Práticas de Compreensão

De 4 a 8 de dezembro de 2017

Faculdade Cásper Líbero

Avenida Paulista, 900.

Bela Vista – São Paulo

Telefone: (11) 3170-5880

Programação Completa do Seminário

Inscrições pelo email: eventos@fcl.com.br.

 

 

 

 

tayaneekarine

Método da compreensão inspira trabalhos também fora da Cásper Líbero

Pesquisas
frente-rotativo-1

Programação Completa do III Seminário Brasil-Colômbia de Estudos e Práticas da Compreensão

Eventos